Crivella não recebeu dinheiro para fugir da campanha eleitoral de 2012

O Boato

Segundo informações publicadas na coluna Radar Online – Veja.com, replicadas em outros locais, Marcelo Crivella teria recebido a soma de R$ 1 milhão de reais para não disputar a eleição à prefeitura do Rio de Janeiro, em 2012.

De acordo com a matéria, Eike Batista contou que o governador Sergio Cabral teria solicitado a contribuição de R$ 1 milhão de reais para a campanha de Paes, candidato apoiado pelo governador. E o repasse teria que ser feito por caixa dois. Ao perguntar o porquê, Eduardo Paes revelara a Eike que o dinheiro seria entregue a Marcelo Crivella, para desistir de sua candidatura.

A Verdade

Este pagamento supostamente revelado por uma declaração de Eike Batista, preso pela Operação Eficiência, desdobramento da Lava Jato, não ocorreu.
O real motivo pelo qual Marcelo Crivella não disputou a eleição à prefeitura do Rio em 2012 foi porque, no mês de março, ele havia sido nomeado ministro da pesca.
Crivella não quis sair do cargo de ministro pois ficaria apenas quatro meses na pasta. Já que pelo prazo de desincompatibilização, estabelecido pelo Tribunal Superior Eleitoral, ele teria que sair do cargo em julho de 2012.
Esta é, portanto, mais uma acusação caluniosa e totalmente inverídica.