Crivella não está perseguindo religiosamente os servidores da Prefeitura

O Boato

Segundo notícias divulgadas na mídia e nas redes sociais, a Prefeitura do Rio estaria obrigando os membros da Guarda Municipal a declararem sua religião em um formulário. De acordo com o que foi disseminado, os guardas estariam sendo enfileirados e deles se exigia que revelassem suas crenças. E que muitos servidores estariam mentindo sua verdadeira religião neste censo, por medo de serem perseguidos, já que o prefeito Marcelo Crivella é evangélico e membro da Igreja Universal do Reino de Deus.

Abaixo, uma das páginas que compartilharam o boato

A Verdade

O censo não prejudica de forma nenhuma os servidores e a ideia partiu da própria Guarda Municipal. O prefeito Crivella sequer tomou conhecimento do projeto.

Visa apenas a elaboração de um Projeto de Capelania, semelhante a programas que existem em hospitais, escolas e outras forças de segurança, como a Marinha e até a Polícia Militar. Este projeto ecumênico tem como objetivo prestar assistência religiosa, espiritual e social aos servidores que enfrentam grandes desafios no cumprimento de suas missões e o questionário é respondido de forma voluntária, pelos membros da GM, que tem em seus quadros evangélicos, espíritas, católicos e umbandistas, entre outras religiões.

O espaço já existe na prefeitura e, como foi esclarecido pelo secretário municipal de ordem pública, Paulo Cesar Amêndola, o questionário vai possibilitar quantificar as religiões dos guardas e investir de forma correta no local.

A Guarda Municipal reforçou que o preenchimento do questionário não é obrigatório. O boletim interno divulgado dizia: “O formulário do Censo Religioso deverá ser preenchido por todos os servidores efetivos e não efetivos da Guarda Municipal de forma voluntária”.

Outras publicações

http://bandnewsfmrio.com.br/editorias-detalhes/deputado-pede-suspensao-de-censo-religioso-na

https://oglobo.globo.com/rio/secretario-admite-polemica-com-censo-religioso-dentro-da-guarda-municipal-do-rio-21686471

http://odia.ig.com.br/rio-de-janeiro/2017-08-09/informe-a-polemica-do-censo-religioso.html